domingo, 19 de junho de 2016

Paper Mario: Color Splash traz uma aventura mais focada em puzzles e eventos bem-humorados, diz produtora

Em entrevista concedida ao site IGN, a produtora de games Risa Tabata, da Nintendo, praticamente confirmou aquilo que muitos(as) fãs da série Paper Mario já desconfiavam, ou seja, que Paper Mario: Color Splash (Wii U) é uma espécie de sequência espiritual de Paper Mario: Sticker Star (3DS). À primeira vista, isso significa que trata-se sim de uma aventura com batalhas por turnos, mas não existe uma evolução do personagem principal como em um RPG tradicional. Enquanto em Sticker Star todos os ataques eram realizados por meio do uso de uma grande variedade de stickers (adesivos) com efeitos ofensivos ou defensivos variados, em Color Splash são as cartas que decidem os movimentos do bigodudo nas batalhas (e fora delas), como ficou bem claro durante a sessão de jogo com a Nintendo Treehouse na E3 2016.

E ao que parece a Nintendo não tem intenção de retornar à mecânica de jogo adotada nos dois primeiros games da série Paper Mario lançados para Nintendo 64 e GameCube, que ofereciam um envolvente sistema de evolução dos personagens com movimentos de batalha baseados na utilização de badges (insígnias). A razão destas experiências que vem sendo realizadas na série desde Super Paper Mario para Wii (que basicamente funciona como um game de plataforma) é diferenciá-la dos games Mario & Luigi, que já estão estabelecidos como uma franquia de RPG, e torná-la uma série mais focada em aspectos como resolução de puzzles e situações bem-humoradas. Leia o que a produtora do game disse sobre o assunto logo abaixo.

Na verdade a produção deste game começou com a ideia de querer usar cartas. Uma vez que você tem a série paralela Mario & Luigi RPG, nós definitivamente queríamos criar uma distinção entre as duas séries e fazê-las seguir em direções diferentes. Nós definitivamente queríamos passar a sensação de que você está realmente segurando cartas em suas mãos e que está realmente utilizando elas.

Uma vez que já temos esta série de RPG estabelecida, ao invés de fazer outra série de RPG, queríamos fazer algo diferente e oferecer uma experiência diferente aos jogadores. Eu acho que o que era bom nos games Paper Mario originais não eram apenas os elementos de RPG, mas a resolução de puzzles e o humor, então seguimos adiante e nos concentramos mais nos aspectos de resolver enigmas e realmente enfatizar o humor nestes games.

Vale lembrar que Paper Mario: Color Splash será lançado exclusivamente para Wii U em 7 de outubro de 2016 na América do Norte e Europa. E você, leitor(a), o que achou das declarações feitas por Risa Tabata? Acredita que a Nintendo está agindo de forma acertada ao distanciar a série Paper Mario do gênero RPG para trazer aventuras mais focadas em puzzles e com histórias mais bem-humoradas? Comente!

Via IGN
    • Comentários

  • Facebook ()
  • Google (0)

0 comentários:

Postar um comentário