King K. Rool, Simon e Richter Belmont, Dark Samus e Chrom são estrelas da Direct recheada de Super Smash Bros. Ultimate

quarta-feira, 8 de agosto de 2018


E essa manhã de quarta-feira não foi desperdiçada, pois a Nintendo Direct especial dedicada ao título de pancadaria mais antecipado do ano, Super Smash Bros. Ultimate (Nintendo Switch) simplesmente explodiu mentes, com Masahiro Sakurai derrubando mais e mais bombas em nossos colos!

Para o bem da compreensão desse artigo, como sempre, iremos disponibilizar o link de fonte no rodapé da página para que você, caro leitor, possa assistir tudo na íntegra também. Mas não deixaremos de enxugar as boas novas (e bota boas novas nisso).

A Direct já iniciou com a incrível revelação de que o caçador de vampiros mais famoso do mundo dos games, Simon Belmont da série Castlevania, se juntará ao elenco jogável de lutadores! E não virá sozinho, pois está acompanhado de um estágio no castelo do Drácula, de Alucard como Assist Trophy (protagonista de Castlevania: Symphony of the Night, 1997) e de Richter Belmont (o descendente de Simon que assume o papel de herói em Castlevania: Rondo of Blood, 1993) como um Echo Fighter. Só ficamos um pouco preocupados com um certo encanador vestido de verde... mas a Nintendo UK Vs. nos tranquilizou.


Todo o amor e muita atenção foram dados nas referências da franquia sombria e labiríntica de plataforma, com inimigos clássicos aparecendo como Stage Hazards, o próprio Lorde da Noite, Drácula como boss, e até mesmo a sua versão super-deformada Kid Dracula foi aludido em certo ponto.

Mas não pense que apenas os confins da Transilvânia tiveram seu momento de glória, pois o heroico Chrom (pai de Lucina e protagonista de Fire Emblem Awakening, 2012) e a parasita Dark Samus (vinda de Metroid Prime 2: Echoes, 2004) também serão jogáveis na forma de Echo Fighters de Roy e Samus, respectivamente.


Em seguida, tivemos a confirmação que personagens como os supracitados de fato podem ocupar o mesmo espaço na tela de seleção que suas contrapartes em Ultimate, mas isso depende das opções de customização de cada jogador. Por exemplo, Daisy e Peach podem estar juntas no mesmo quadro, podem estar separadas uma ao lado da outra, ou você priorizar a sua princesa favorita. Ainda no assunto de Echoes, tomando como exemplo o novo lutador Chrom, tivemos uma ligeira confirmação de que nem todo Echo será idêntico à sua base em todos os ataques e movimentos.

Quanto à quantidade de arenas disponíveis nesse incrível pacote? Temos 103 fases confirmadas! É uma insanidade que até o diretor teve de comentar ao longo da apresentação: "nós devemos ser malucos!". E com a habilidade de visitar qualquer uma delas em forma de Final Destination (Omega) ou Battlefield, isso totaliza 300 estágios diferentes. Como os personagens, a tela de seleção é organizada por ordem de presença em Smash anteriores.


Uma novidade muito empolgante para aqueles prestes a se afundar em tudo isso no dia 7 de dezembro é que há uma nova função na tela de configurações prévias do jogo, que permite que misturemos duas fases completamente diferentes. Isso mesmo, você pode selecionar a mais nova (e com nome confirmado agora) New Donk City Hall com a steampunk Midgar de Final Fantasy VII, e definir um período de tempo em que as duas arenas irão transitar entre si.

Antes de partir do tópico de fases disponíveis, foi confirmado que absolutamente todas elas estão disponíveis para 8 Player Smash e estarão completamente desbloqueadas a partir do momento em que o jogo for ligado pela primeira vez. Você pode conferir a lista inteira de estágios no site oficial de Super Smash Bros. Ultimate, que cobre todas as 103.

De forma muito orgulhosa, Sakurai continuou a explorar detalhes de apresentação do jogo, que contará com mais de 900 músicas (contando jingles de vitória, menus e afins), quase 28 horas de deleite para os ouvidos. Novo para Smash, os jogadores poderão organizar a sua própria playlist e ouvir na ordem que bem desejar, até mesmo com o Switch em Sleep Mode.

E acha que iríamos ficar apenas na expectativa de ver novos modos e itens? Pois Sakurai nos aliviou com a demonstração de muito conteúdo inédito.


Entre as novas formas de batalha, Squad Strike é uma adição que permite que um só jogador possa escolher 3 ou 5 personagens diferentes e tenha à disposição um de cada vez representando os habituais stocks. Ou ainda cada jogador pode assumir o papel de um desses personagens no mesmo time. Há uma nova função também adicionada, que permite que Final Smashes sejam carregados através de uma barra especial que cresce durante o calor da luta, só que isto resulta em ataques bem menos eficientes do que estamos acostumados.


Novos Assist Trophies foram revelados, entre eles Zero de Mega Man X, Shovel Knight, a querida bruxinha Ashley retornando, um rasteiro Klaptrap, a adorável Mii Nikki do Troca-Cartas do 3DS, a lua tenebrosa de The Legend of Zelda: Majora's Mask e o gigantesco Rathalos da franquia de sucesso da Capcom, Monster Hunter (que aparentemente, também age como boss, porém, não sabemos em quais circunstâncias ainda...).


Pokémon também tiveram a sua chance de brilhar com a presença de Exeggutor de Alola, Mimikyu, Ditto, Abra e Marshadow.

Antes de se despedir, Sakurai ainda nos apresentou ao menu principal do jogo, que está super sofisticado com uma dashboard dedicada para acesso rápido de algumas opções. Mas não foi à toa que tivemos essa breve espiada num modo novo que está censurado no momento.


Com isso, o dedicado criador e diretor saí de cena, agradecendo ao suporte de todos os fãs e ainda nos prometendo alguns poucos mais novos lutadores no futuro. Mas algo nos atingiu com a mensagem clara de que todos os heróis estão enfrentando seus respectivos vilões em Ultimate, mas e quanto a Donkey Kong e Diddy Kong? Bem... depois de uma piada mal interpretada do redondo King Dedede, um crocodilo imenso veio proclamar seu trono:


King K. Rool está finalmente aqui como jogável, depois de tanto ser requisitado por fãs dedicados da série Donkey Kong. Esta é sua primeira aparição jogável desde Mario Super Sluggers (2008) e a primeira vez em que confronta a macacada desde DK: Jungle Climber (2007). E o líder dos Kremlings estava definitivamente com muita sede de vingança, pois o seu Final Smash realiza seu sonho incrivelmente vil de explodir DK Island com o Blast-O-Matic de Donkey Kong 64.


E deixando nossos corações acelerados a apresentação foi finalizada, mas sempre com o gostinho de quero mais. Não demorará muito para dezembro chegar, mas a próxima Nintendo Direct já é alvo de mais especulação.

Qual foi seu segmento favorito, caro leitor? Gostou do que foi revelado? Está feliz com o retorno do Rei Pirata? Não deixe de comentar conosco.

    • Comentários

  • Facebook ()
  • Google (0)
  • Disqus ()

0 comentários:

Postar um comentário