sexta-feira, 14 de abril de 2017

Nintendo Switch é o console líder de vendas nos EUA em março; quase um milhão de unidades vendidas

O mês de lançamento do Nintendo Switch nos Estados Unidos se encerrou com números realmente surpreendentes de vendas, fazendo do console o mais vendido no período, segundo o instituto de pesquisa NPD Group. Extremamente satisfeita com o desempenho de seu novo sistema doméstico de games, a Nintendo já se manifestou sobre o assunto, revelando que o Nintendo Switch vendeu 906 mil unidades nas lojas estadunidenses durante todo o mês de março, tornando-se um dos consoles de mais rápida vendagem de todos os tempos em uma época do ano onde tradicionalmente não se lançam novas plataformas de videogame.

A Nintendo sempre se esforça para oferecer aos consumidores algo divertido, novo e diferente. Com suas várias maneiras de jogar e os inovadores recursos dos controles Joy-Con, Nintendo Switch provém experiências únicas que as pessoas podem levar consigo a qualquer lugar e compartilhar com qualquer pessoa. - Reggie Fils-Aime, Presidente da Nintendo of America

A Nintendo celebra ainda a excepcional recepção a The Legend of Zelda: Breath of the Wild, grandioso game de lançamento do Nintendo Switch, que vendeu mais de 1.3 milhão de cópias em março nos EUA - 925 mil cópias da versão para Switch, e 460 mil da versão lançada para Wii U na mesma data. Vale ressaltar que Breath of the Wild já é o game de lançamento de mais rápida vendagem da história para consoles Nintendo e também da série The Legend of Zelda no geral.

A explicação para o discrepante número de vendas da versão do Nintendo Switch (maior que as vendas do console em si) foi atribuída ao fato de que muitas pessoas adquiriram duas cópias do game - a edição limitada do game para colecionar e uma segunda versão para jogar. Ciente dos problemas em relação ao estoque insuficiente do console nas lojas, a Nintendo diz estar trabalhando duro para atender à alta demanda, de modo que todos possam adquirir o seu Nintendo Switch. E você, já garantiu o seu, leitor(a)?

    • Comentários

  • Facebook ()
  • Google (0)

0 comentários:

Postar um comentário