Ex-artista da Nintendo diz que é difícil, mas não impossível, trazer F-Zero de volta

sexta-feira, 16 de abril de 2021


Em entrevista, o artista Takaya Imamura, notório diretor de arte, designer de personagens e roteirista das franquias Star Fox e F-Zero, dá uma nova luz à outrora icônica série de corrida futurística da Nintendo que infelizmente veio a cair no esquecimento há vários anos.

De acordo com Imamura, agora aposentado após uma carreira de 32 anos na empresa, a série F-Zero não está morta, mas "é difícil trazê-la de volta se não houver uma grande ideia".

O último título a carregar o nome da série foi F-Zero Climax para o Game Boy Advance, lançado apenas no Japão em 2004. Imamura, no entanto, considera F-Zero GX para GameCube, de 2003, como "o F-Zero definitivo". Este, no entanto, já está caminhando para seus 18 anos de idade — ou seja, já estamos há quase 20 anos sem um título novo da franquia.

Contratado como artista gráfico pela Nintendo em 1989, Takaya Imamura também foi responsável por desenhar a maioria dos chefões de The Legend of Zelda: A Link do the Past (SNES, 1991) e por dirigir a arte de The Legend of Zelda: Majora's Mask (Nintendo 64, 2000); neste último, foi responsável por definir a atmosfera sombria do game — e claro, pela criação do Tingle, da lua e da própria Majora's Mask.

E você, querido leitor? Gostaria de ver o retorno da série F-Zero? Deixe suas opiniões nos comentários abaixo ou em nossas redes sociais!
    • Comentários

  • Facebook ()
  • Google (0)

0 comentários:

Postar um comentário