sábado, 3 de fevereiro de 2018

Kimishima fala sobre ciclo de vida do Switch, investimentos da Nintendo em tecnologia, e sua aposentadoria

O jornal japonês Nikkei teve recentemente a oportunidade de bater um papo com o presidente da Nintendo, Tatsumi Kimishima, e aproveitou para esclarecer algumas relevantes questões relacionadas ao impactante sucesso do Nintendo Switch que, mesmo antes de completar um ano de vida, já mostra potencial para superar os espetaculares números de vendas do Wii, sistema doméstico de games mais vendido da história da companhia. O executivo revelou ainda como funciona a política de fundos de investimento da Nintendo para se manter estável mesmo em tempos menos favoráveis, e também falou sobre sua aposentadoria. Leia as declarações feitas por Kimishima logo abaixo.

Sobre ciclo de vida do Switch
Queremos continuar vendendo esse console por mais do que 5-6 anos. Há vários recursos nos controles como os sensores. Queremos expandir as vendas melhorando ainda mais as formas de jogar. Quanto mais longo o período de vendas, melhor será.

O segundo ano é importante. Queremos expandir a base de usuários para que a popularidade não caia. Estamos desenvolvendo software que vai fazer os pais quererem recomendar às suas crianças que joguem com o Switch. Por exemplo, com Nintendo Labo que foi anunciado em janeiro, nós propusemos uma nova forma de jogar conectando o Switch com modelos de papelão montados.

Sobre investimento da receita obtida com o sucesso do Switch
O avanço tecnológico no mundo é rápido. Enquanto estamos de olho na tecnologia de ponta, estamos sempre pensando sobre o futuro do Switch. Recentemente, mesmo que tenhamos tido queda nos lucros por oito anos seguidos, continuamos investindo em R & D (pesquisa e desenvolvimento). Por termos muitos fundos, fomos capazes de desenvolver o Switch e completar uma linha de games atrativos no primeiro ano. Produzirça sucessos explosivos é o valor de existência da Nintendo. Há muitas tecnologias interessantes em outras companhias além da Nintendo. Se é possível fundir elas com a tecnologia da nossa companhia, vamos considerar o investimento externo.

Sobre aposentadoria
A coisa mais importante para gerentes é timing. Quando o Sr. Hiroshi Yamauchi [falecido ex-presidente da Nintendo] se aposentou, ele deixou as seguintes palavras: 'Nós não sabemos o que vai acontecer, mas vamos apenas fazer isso com nossa própria responsabilidade.' E eu acho que é exatamente o que ele disse. Estou sempre pensando sobre o timing da minha aposentadoria.

Via Nikkei
    • Comentários

  • Facebook ()
  • Google (0)

0 comentários:

Postar um comentário