sábado, 7 de maio de 2016

Revista Time inclui NES, Game Boy e Wii em lista de dispositivos tecnológicos mais influentes de todos os tempos

A equipe de jornalistas da respeitada revista de notícias norte-americana TIME se reuniu recentemente para eleger os cinquenta dispositivos tecnológicos mais influentes de todos os tempos. O critério principal para que um aparelho seja incluído nesta lista é o de que ele tenha mudado o curso da tecnologia de forma a trazer mais benefícios e facilidades para a vida das pessoas. Como era de se esperar, a lista conta com modelos inovadores de dispositivos como televisor, video-cassete, computadores, portáteis e afins; se você curte este tipo de assunto, sem dúvida vale a pena acessar a matéria original através deste link para conferir a lista completa.

Obviamente a lista incluiu também consoles de videogame, e para alegria de fãs da Nintendo, o segundo sistema mais bem colocado do ranking é o NES, cuja importância para o renascimento da indústria dos games no início da década de 80 é comparada na matéria ao que a banda musical britânica The Beatles representa para o rock'n roll. Outros consoles da Nintendo que garantiram sua participação no top 50 são o Game Boy e o Wii; o primeiro é mencionado como o grande precursor dos games mobile, e o segundo é exaltado pelo seu acessível e inclusivo controle por movimentos.

O console de games escolhido como o mais influente de todos os tempos foi o lendário Atari 2600, e a lista traz também a presença do primeiro PlayStation, da Sony. Para quem está curioso(a) em saber qual dispositivo ficou em primeiro lugar, o posto ficou com o celular inteligente iPhone, da Apple. Saiba quais foram as colocações conquistadas pelos videogames no ranking da Time logo abaixo, e nos conte se concorda com as escolhas feitas, leitor(a). Em sua opinião, qual é o dispositivo tecnológico mais influente da história? Comente!

Gadgets Mais Influentes (Revista Time)

13. Atari 2600
15. Nintendo Entertainment System
16. Nintendo Game Boy
31. PlayStation 1
32. Wii

    • Comentários

  • Facebook ()
  • Google (0)

0 comentários:

Postar um comentário