Por que as cores das roupas dos personagens mudam com a flor de fogo?


Pergunta enviada pelo nosso seguidor Artemis por meio do Tweet fixado do Reino do Cogumelo. Uma das mais icônicas transformações do famoso bombeiro hidráulico italiano, o Mario de fogo (Fire Mario, em inglês) já está na franquia desde a terceira geração dos videogames. Ao entrar em contato com uma flor de fogo, Mario, Luigi e outros aventureiros do Reino Cogumelo passam por uma mudança estética no esquema de cores de suas roupas. Existe algum motivo para tal?

Respondendo de forma simples e sem delongas, a mudança é meramente estética. A alteração na paleta de cores dos macacões de Mario e Luigi era feita apenas para indicar que os heróis estavam em posse de uma forma mais poderosa do que a anterior.

Existem, no entanto, momentos em que a flor de fogo não surta nenhum efeito nas cores dos personagens. No platformer portátil Super Mario Land 2: Six Golden Coins, de 1992, tanto Mario quanto Wario podem fazer uso da flor de fogo para obter seus poderes tradicionais — um resgate às raízes após as Superballs do título predecessor. Mas devido às limitações de cor do Game Boy, no jogo em preto, branco e tons de cinza a única alteração nos sprites é uma pena grudada no chapéu, que representa a distinção das formas Super Mario e Mario de fogo. As artes oficiais do jogo confirmam que as cores da roupa permanecem iguais. Somado a isso, no episódio de desenho animado "Crimes e Mais Crimes" (tradução do estúdio de dublagem brasileiro Braskinosom, ou BKS), de The Adventures of Super Mario Bros. 3, quando Luigi se transforma em Luigi de fogo, suas roupas não passam por nenhuma modificação visual. Hoje, estes casos isolados já foram esquecidos pela história.

Apesar de ser mais comum que o traje do Mario de fogo seja vermelho e branco no padrão moderno, artes oficiais de Super Mario Bros., de 1985, assim como ilustrações de Super Mario Bros. 3, de 1988, publicadas nas revistas Nintendo Power, dos Estados Unidos, e Club Nintendo, da Itália, mostram uma combinação de cores muito mais quente: vermelho e amarelo, cores primárias que deixam nítida uma influência do Power-Up no esquema de cores.

Já o Luigi, mesmo na forma de fogo, mantém as suas cores frias com uma aparência verde e branca. Apesar desta coordenação de cores não aludir ao elemento fogo, nos anos 80, a mudança era um espelho natural do Mario de fogo, mantendo a cor verde nas áreas vermelhas de seu irmão. No Nintendo Entertainment System — ou Nintendinho, para os mais íntimos —, havia muitas limitações e não havia diferença nos sprites dos irmãos Mario naquela época, tornando necessária esta pequena estratégia visual.

Uma teoria de fãs aponta que as cores de Mario de fogo e Luigi de fogo remetem, juntas, às cores da bandeira da Itália — o que não está errado! Mas tendo em mente que a cor verde do Luigi foi escolhida a dedo entre poucas opções disponíveis na paleta de cores do NES, a informação tem mais possibilidade de ser uma grande, mas muito interessante coincidência.
Eduardo Jardim

Natural de São Paulo (SP), Eduardo "Pengor" Jardim é um criador de conteúdo, cartunista e imaginauta. Criou o Reino do Cogumelo em 2007 e desde então administra e atualiza seu conteúdo, conquistando um prêmio Top Blog e passagens pela extinta Nintendo World.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem