Koopalings deserdados: Miyamoto desconsidera os sete filhos originais como filhos do Bowser

domingo, 16 de setembro de 2012

Para a entrevista do jornalista Dan Ryckert, do Game Informer, Shigeru Miyamoto fez questão de esclerecer algumas dúvidas com relação à narrativa do Super Mario — algo que nós, Mushroom Retainers do Reino do Cogumelo, tentamos desvendar ao longo de nossas carreiras aqui no site. O problema é que as conclusões do mestre foram mais bombásticas do que clicar na letra "O" da tela de título de Mario Paint. Sua mais recente constatação foi a de que, em tempos atuais, os Koopalings não são mais considerados pela Nintendo como filhos de Bowser.
"Nossa história atual é a de que os sete Koopalings não são filhos de Bowser. O único filho de Bowser é Bowser Jr., e nós não sabemos quem é a sua mãe."
Fãs do Mario: já podem jogar tudo para o alto. Está feita a confusão! Quando foram apresentados em Super Mario Bros. 3, os Koopalings eram tidos como os filhos do rei Koopa; os quadrinhos e desenhos animados são peritos em explorar esse lado familiar. Quando lançaram Super Mario Sunshine em 2002, os Koopalings estavam há mais de oito anos sem dar as caras na série. A este ponto, os fãs da franquia já não tinham mais espaço em disco para tanta saudade dos sete pestinhas originais; e as esperanças começaram a descer pelo cano quando Bowser Jr., o oitavo filho, foi anunciado. Who's the fungus among us? Quem é este que veio substituir os bons e velhos Koopalings? Onde está o sentido, onde está a honra?

Mas ainda não era a hora de desistir: apesar do manual japonês de Super Mario Advance 4: Super Mario Bros. 3 se referir aos Koopalings apenas pelo termo underlings — "subalternos" de Bowser, sem quaisquer menções a laços familiares —, sua contraparte norte-americana já tornava a chamá-los de Bowser's children ("filhos de Bowser"). Quando finalmente se encontraram em New Super Mario Bros. Wii, os Koopalings e Bowser Jr. — que inclusive já estava sendo especulado como o oitavo membro dos Koopalings — demonstraram uma dinâmica familiar entre si. Criamos a teoria de que Bowser Jr. poderia ser o mais próximo do trono por ser o herdeiro mais novo de sua majestade, o rei sórdido dos Koopas.

O que Miyamoto está tentando fazer é reescrever a história estruturada pelos jogos que ele mesmo criou. É um pesar colocá-lo em dúvida, mas seria essa desclassificação dos Koopalings uma atitude afinada, justificada apenas pela adição um novo personagem? Teria o pai de nossa infância perdido alguns parafusos? E será que as descrições oficiais de New Super Mario Bros. U continuarão a contrariar o desenvolvedor? O que se pode tirar de toda essa confusão é que, quando se há divergências nessa escala, cabe aos fãs escolherem pela versão mais viável até que uma explicação melhor seja discutida a sério pela Nintendo.

É para isso que estamos aqui, rei-papai!
    • Comentários

  • Facebook ()
  • Google (4)

4 comentários:

Jorge Sampaio S. J. disse...

Muito tenso. Agora só não entendi ainda onde os irmãos Mario e Luigi nasceram. Se a cegonha vinha trazendo ambos na qual Mario cai, e temos a história de Yoshi Island, ou como qualquer ser humano dentro da barriga de sua mãe, Mama, na Itália.
Digo isso porque a nova história será um choque entre os fãs e gamers.

U. Koopa disse...

Talvez, eles continuam sendo irmãos...

Sutero Paschoal disse...

Essa não... Meu mundo está de cabeça pra baixo! Prefiro apenas acreditar que os koopalings são menos importantes que o Bowser Jr...

Yago disse...

tudo isso é culpa da NOA, já que no manual oficial japonês afirma claramente que não são filhos

Postar um comentário