Sakurai explica como foi decidida a inclusão de clones nos novos games da série Super Smash Bros.

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Embora sejam considerados por muitos como meros "clones", surpreendentemente alguns lutadores do elenco de Super Smash Bros. for Nintendo 3DS & Wii U acabaram ganhando seu próprio espaço na tela de seleção de personagens. Sabendo que essa é uma questão que ainda intriga muitos fãs de longa ou breve data da série Super Smash Bros., o diretor de desenvolvimento Masahiro Sakurai resolveu esclarecer o assunto em sua coluna na revista japonesa Famitsu, explicando como foi decidida a inclusão dos personagens Lucina, Dr. Mario e Dark Pit. Leia a declaração do desenvolvedor logo abaixo.

Há 3 lutadores [Lucina, Dark Pit e Dr. Mario] que são modelos alternativos (clones) no jogo. Cada um deles era originalmente uma variação de cor, mas durante o desenvolvimento, eles acabaram recebendo características balanceadas. Uma vez que suas funcionalidades eram diferentes, as formas foram separadas. No entanto, era vital que isso não comprometesse o expediente de trabalho dos desenvolvedores. Alguns ajustes relativos foram suficientes, uma vez que não foi necessário criar o balanceamento do zero.

Sakurai ressaltou também que Lucina e Marth possuem diferentes habilidades de espada. No caso de Dark Pit, embora ele seja relativamente semelhante a Pit, foi preciso criar um espaço próprio para ele devido ao "seu arsenal e Final Smash diferentes". E o desenvolvedor salientou que os fãs de Dr. Mario não gostariam que ele fosse considerado apenas um clone do Mario, então foi construído para o personagem um conjunto de golpes customizáveis exclusivo; vale lembrar que Dr. Mario também era um personagem jogável em Super Smash Bros. Melee, trazendo alguns ataques diferentes de Mario.

Em seguida, Sakurai resolveu comparar a existência de clones em Super Smash Bros. for 3DS & Wii U como um prato de sobremesa que é oferecido gratuitamente em um restaurante. O que uma coisa tem a ver com a outra? Leia o que ele disse sobre isso a seguir para entender melhor.

Isto é como uma sobremesa grátis depois de uma farta refeição, que foi preparada sem custo extra. Em um restaurante que oferece este tipo de serviço, eu não acho que ninguém vá dizer, "Troque isso por um prato de carne!!"

Mesmo assim, foi pedido para que eu fizesse isso em Super Smash Bros. Mas, eu acho que como muitos dos jogadores são crianças, isso era inevitável.

Sakurai finalizou a questão pedindo aos fãs que, por favor, deixem que ele se responsabilize pela seleção de personagens jogáveis com base nos custos e no expediente de trabalho, e complementou lembrando que, de qualquer maneira que você olhe para isso, Super Smash Bros. for 3DS é uma grande barganha para os consumidores. E você, leitor(a), o que pensa a respeito da sempre polêmica inclusão de clones nos games da série Super Smash Bros.? Comente.

    • Coment√°rios

  • Facebook ()
  • Google (0)
  • Disqus ()

0 coment√°rios:

Postar um coment√°rio